Balanço da Época 2008/09 Cadetes Femininos

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Balanço da Época 2008/09 Cadetes Femininos

Mensagem  Cântara em Seg Jul 06 2009, 11:43

Quando me colocaram o desafio de regressar ao Basquetebol, após 10 anos de interregno, e ao clube onde passei 7 anos como jogador mais 5 como treinador, confesso que hesitei em aceitar.
Tinha passado muito tempo … a vida era outra, com outras responsabilidades quer profissionais quer familiares, que me fizeram pensar se realmente estaria preparado para assumir a liderança de uma equipa de jovens irreverentes.
“Irreverentes” é um termo simpático para definir o que disseram das Cadetes do Guifões, pois a experiência da época anterior tinha sido bastante negativa para o clube.
Assim, depois de alguma reflexão e de ponderar sobre o impacto que teria para a minha vida este regresso, resolvi aceitar a proposta, tendo sido avisado que iria encontrar um conjunto de jogadoras de fraco nível técnico e muito indisciplinadas!
No 1.º treino encontrei um grupo de 18 atletas onde era notória a falta de experiência (algumas nunca tinham jogado basket) e o fraco nível técnico (a maioria não possuía as bases necessárias), mas revelavam uma característica que muito me agradou: Vontade!
Revelaram sempre enorme vontade de aprender e evoluir, o que tornou mais fácil e motivador o n/ trabalho, e desenvolveram ao longo da época, um enorme espírito de equipa e uma excelente atitude.
O grupo, ao fim de pouco tempo ficou reduzido a 12 atletas, tendo ficado mais homogéneo, o que permitiu desenvolver um trabalho sério e sem queimar etapas de desenvolvimento, em que a nossa principal preocupação era ensinar a correcta execução das Técnicas (ofensiva e defensiva) e desenvolver o espírito de sacrifício, o trabalho árduo e a auto-confiança.
Então e a indisciplina?
Nada digno de registo.
Revelaram, ao longo de toda a época, um comportamento exemplar e provaram à direcção do clube que a aposta nas Cadetes Femininas foi uma aposta ganha!
Podíamos não ser os mais evoluídos ou com mais experiência, mas fomos certamente a Equipa com mais raça, mais atitude, mais querer, mais determinação!
As atletas perceberam que tinham que desafiar os limites, correr mais, saltar mais, defender mais e funcionar como um grupo unido e coeso.
Foi um prazer treinar esta equipa!

Mensagem final dirigida às atletas:
“Não somos todos iguais. Outros podem ter mais capacidades físicas – podem ser mais altos, mais fortes ou mais rápidos – mas ninguém te pode ser superior em tão importantes qualidades e características, como são, o empenho, a dedicação, o trabalho árduo, a cooperação, a lealdade e a honestidade.
Lembrem-se sempre de uma pequena frase que vos obriguei a repetir no intervalo de um jogo: Eu sou capaz!”

Obrigado:
À Direcção do Guifões Sport Clube por ter acreditado em mim e mais especificamente ao José Marinho por me ter desassossegado;
À minha família por me ter apoiado e por compreender o que é a vida de treinador;
Aos pais e familiares que nos acompanharam ao longo de toda a época e nos apoiaram de forma fantástica;
Ao Albino Teixeira pela preciosa colaboração no tratamento estatístico;
Ao Seccionista Carlos Silva pelo profissionalismo e competência;
E um Muito Obrigado ao Joaquim Alfredo (Fred) pela amizade, pela paciência e pela dedicação imprescindíveis ao bom funcionamento do grupo.
Um abraço deste v/ amigo,

Carlos Cântara
Treinador

Cântara

Mensagens : 7
Data de inscrição : 26/01/2009

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum